Páginas

terça-feira, 19 de outubro de 2010

Meu ídolo morreu por mim.

Há alguns dias, assisti o filme O Livro de Eli, que conta a história de um homem que ruma sempre a oeste a mando de Deus. Ao decorrer do filme, senti que Deus estava comigo. Resolvi então levar o filme ao Grupo de Jovens, para que pudesse, assim, fazer com que as pessoas do grupo sentissem o mesmo.
Depois que assistimos veio o momento da reflexão, e foi incrível, ficamos quase duas horas discutindo, argumentando, expondo opiniões diferentes sobre os assuntos que rodeavam o tema.
Um dos pontos que conversamos, foi a descrença à Biblia, à palavra de Deus. As pessoas deviam acreditar mais no poder que ela tem, porque nela está a palavra, e será cumprido o que foi dito.

"Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum, porque tu estás comigo; a tua vara e o teu cajado me consolam." Salmo 23. Isso basta.

Nenhum comentário: